A Construção de blocos de laboratórios que fazem parte da nova sede da Fundação Oswaldo Cruz Rondônia (Fiocruz/RO), com apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e com a contrapartida do governo do Estado, foi amplamente discutida na manhã de quarta-feira (19), em reunião que contou com a presença do governador Coronel Marcos Rocha, coordenador da Fiocruz/RO, Jansen Medeiros, da adjunta da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), Katiane Maia, e da coordenadora de ensino, formação e comunicação da Fiocruz, Deuzilene Vieira.

A Finep é uma empresa pública brasileira de fomento à ciência, tecnologia e inovação em empresas, universidades, institutos tecnológicos e outras instituições públicas ou privadas, vinculada ao Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação.

A proposição é de celebração de um protocolo de intenção entre governo do Estado e Fiocruz Rondônia. “Neste protocolo queremos estabelecer, de forma oficial, algumas parcerias que já fazemos, como treinamento de servidores do Estado, capacitação, formação de recursos humanos, projetos em comum, entre outros”, destacou Jansen Medeiros.

O protocolo de intenção será enviado à Procuradoria Geral do Estado (PGE), após análise deverá ser celebrado entre as partes.

O governador demonstrou interesse em acompanhar de perto os trabalhos realizados no laboratório da Fiocruz/RO e ficou de agendar uma visita, inclusive à sede da Fiocruz no Rio de Janeiro. “O que o governo puder apoiar a Fiocruz, vai apoiar. Pelo menos nesses quatro anos de governo teremos uma maior aproximação.  As pesquisas realizadas na Fiocruz têm servido para ajudar a população no combate à doenças. Fui eleito, mas continuo sendo acessível, e querendo fazer o melhor pelo estado”, destacou Marcos Rocha.

Fonte:
Texto: Rejane Júlia
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviar Mensagem
Estamos Online
Rádio Caiari
Olá 👋
Como podemos ajudar?