quinta-feira, julho 9, 2020
Home > Notícias da Igreja > América Latina > Haitianos invocam Nossa Senhora do Perpétuo Socorro para sair da crise pandêmica

Haitianos invocam Nossa Senhora do Perpétuo Socorro para sair da crise pandêmica

O Haiti celebra estes dias, de 18 a 26 de junho, a novena nacional preparatória para a festa no sábado, 27 de junho, de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, padroeira do país caribenho. Durante este período de oração, louvor e ação de graças o povo haitiano se dirige a Maria, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, para pedir-lhe que nos cure do coronavírus, da corrupção, da insegurança e da miséria, afirma o missionário redentorista padre Renold Antoine

O Haiti vive o pior momento histórico dos últimos tempos para sua estabilidade econômica e social, ao qual se soma a emergência sanitária que atinge não somente o país mais pobre de todo o continente americano, mas um país flagelado por várias catástrofes naturais que paralisaram a economia e a atividade de uma população que é sempre muito religiosa.

A Fides – agência missionária da Congregação para a Evangelização dos Povos – recebeu o testemunho do missionário redentorista, padre Renold Antoine, que conta como, apesar da paralisação econômica da quarentena, a população católica está preparando a festa nacional para sua padroeira, Nossa Senhor do Perpétuo Socorro, a ser celebrada este sábado, 27 de junho.

Haitianos preparam a festa nacional da sua padroeira

“Sem querer conclusões demasiadamente precipitadas sobre este ano particular, todos temos a opinião de que 2020 é um ano de acúmulo de novos choques. Alguns já ousam chamá-lo de ano de todos os recordes. Isso se deve não somente à crise econômica em que nosso mundo caiu, mas também ao medo que impera em cada um de ser contaminado pela Covid-19, bem como à sensação de que a morte chegue como um raio, inesperadamente.”

“No contexto haitiano a situação é muito pior porque há outras realidades mais virulentas do que o coronavírus: corrupção, miséria, insegurança, insalubridade, para citar algumas.”

Nesse clima, o povo haitiano se prepara igualmente para celebrar em 27 de junho sua padroeira, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. O tema escolhido este ano é: “Ó Maria, Mãe do povo haitiano, ajudai-nos neste sofrimento”.

30 dias de orações

Uma série de atividades já está em andamento para marcar esta data importante: 30 dias de orações – de 1º a 30 de junho, ao meio-dia; nos 3 dias anteriores à novena, de 15 a 17 de junho, às 15h, orações conduzidas pelo grupo Solèy Laftwa. Por fim,  a novena nacional nas dioceses do país, de 18 a 26 de junho.

No dia da solenidade, 27 de junho, haverá três celebrações eucarísticas e uma procissão com o ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro que partirá da catedral de Porto Príncipe para a capela dedicada à padroeira, em Bélair.

Celebrações terão participação limitada de fiéis

Ao término da procissão, o arcebispo de Porto Príncipe, dom Max-Leroy Mesidor, concederá a solene bênção ao povo haitiano e à cidade de Porto Príncipe, como se deu em 5 de fevereiro de 1882.

“Considerando a situação atual, somente um pequeno grupo participará das atividades no Santuário, que serão transmitidas ao vivo pelo rádio, televisão e redes sociais.”

Durante este período de oração, louvor e ação de graças, o povo haitiano se dirige a Maria, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, para pedir-lhe que nos cure do coronavírus, da corrupção, da insegurança e da miséria.

Que os haitianos sejam regenerados pelo poder de Cristo

“Que a intercessão de nossa Mãe celeste possa renovar as energias humanas e intelectuais do povo haitiano de modo que os cidadãos se dediquem à causa do nosso país e nosso povo experimente um novo crescimento na humanidade, que seja sempre regenerado com o poder de seu Filho Jesus Cristo, morto e ressuscitado para a nossa salvação”, conclui o missionário redentorista.

O Haiti tem até então mais de 5 mil casos de Covid-19 e mais de 90 mortos vítimas do coronavírus.

(Fides)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *