sábado, novembro 28, 2020
Home > Notícias da Igreja > Papa > Fundo Covid-19 instituído pelo Papa destina ajudas à Índia, Panamá e Honduras

Fundo Covid-19 instituído pelo Papa destina ajudas à Índia, Panamá e Honduras

O último envio de recursos, há poucos dias, havia sido destino à Igreja em vários países africanos, que sentiu fortemente os efeitos da pandemia, e que para não interromper seus trabalhos caritativos e no campos da evangelização, saúde e educação, recorreram ao Fundo Covid-19 criado pelo papa Francisco junto às POM.

Vatican News

Neste período de pandemia de Covid-19, a Igreja na Índia alcançou e assistiu vários milhões de pessoas, especialmente os mais pobres e em condições vulneráveis. Os cristãos indianos responderam com generosidade e compromisso à emergência, não obstante sua consistência numérica, 2,5% de uma população de 1.298.041.000 habitantes.

Como em outras partes do mundo, o bloqueio imposto para conter a propagação do vírus, resultou na perda de empregos e dos meios mínimos de subsistência para um grande número de trabalhadores, migrantes e pobres, os que mais sofreram. Milhares de migrantes repentinamente viram-se presos nas diferentes áreas do país onde se encontravam, sem comida ou abrigo. Paróquias e comunidades religiosas se mobilizaram para arrecadar doações e fundos a serem distribuídos por meio de refeições diárias e bens essenciais, a milhares de pessoas, famílias inteiras, idosos, pobres, doentes, tribais, migrantes, meninos de rua, moradores de r e vulneráveis.

O longo período da pandemia significou para as Igrejas locais um trabalho extraordinário e a gestão de uma situação imprevisível. A generosidade e o empenho das comunidades católicas manifestaram-se em relação a todos, sem discriminação, mas também levaram ao esgotamento dos escassos recursos econômicos de que dispunham para realizar atividades ordinárias de evangelização, assistência, promoção humana.

Por meio do Fundo de Emergência criado pelo Papa Francisco junto às Pontifícias Obras Missionárias (POM) para responder às necessidades determinadas pela emergência de Covid-19 nas Igrejas dos territórios de missão, foi possível ajudar dioceses e paróquias que passam por necessidades particulares.

As mais recentes ajudas do Fundo de Emergência POM foram enviadas a várias circunscrições eclesiásticas na Índia: à Diocese de Daltonganj, para ajudar na compra e distribuição de kits para crianças e para cobrir as despesas de funcionamento de 23 paróquias; à Diocese de Khunti, para atividades de formação, encontros e seminários; à Diocese de Jalpaiguri para formação online; à Diocese de Baruipur, para apoiar as famílias mais necessitadas e vulneráveis; à Arquidiocese de Patna e à Diocese de Kohima para atender às diferentes necessidades que enfrentam após a pandemia; à Diocese de Purnea para apoiar atividades educativas; à Diocese de Aizawl para a formação profissional de jovens tribais.

Panamá e Honduras

A América Latina também sofre com a pandemia há algum tempo e as Igrejas locais estão agora no limite de suas capacidades, depois de tentar aliviar o sofrimento de tantas pessoas por um longo período. Infelizmente, mesmo antes da disseminação do Covid-19, a precariedade era comum em muitos países, assim como a falta de instalações de saúde e acolhimento, de modo que os efeitos das medidas cautelares adotadas agravaram ainda mais a situação.

No Panamá, o Fundo de Emergência das POM enviou ajuda à Diocese de Colon-Kuna Yala e à Prelazia Territorial de Bocas del Toro para contribuir com suas necessidades após os efeitos de Covid. A mesma situação dramática também está ocorrendo em Honduras. As ajudas enviadas à diocese de La Ceiba servirão para apoiar as paróquias, agora carentes de recursos, bem como os sacerdotes, e a formação de religiosos e leigos. Os subsídios enviados pelo Fundo POM à Diocese de Trujillo serão usados ​​para apoiar 1000 famílias em 4 comunidades.

Agência Fides – SL por Vatican News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *