/ NO AR /
(69) 99321-8279
Porto Velho, 28 de novembro de 2021 - 20h22
Home > Notícias da Igreja > Papa > O Papa Francisco encontrará jovens da Comunidade Scholas de 41 países

O Papa Francisco encontrará jovens da Comunidade Scholas de 41 países

Jovens da Comunidade Scholas, de 41 países dos 5 continentes, conversarão com o Papa Francisco como a Pandemia conduziu a uma nova conscientização de si mesmo e apresentarão o seu novo projeto político inspirado na encíclica “Fratelli tutti”.

Silvonei José – Vatican News

A Sala de Imprensa vaticana informou nesta terça-feira que na próxima quinta-feira, 25 de novembro, às 16h locais, o Papa Francisco encontrará no Pontifício Colégio Internacional Maria Mater Ecclesiae, em Roma, 71 jovens de 41 países dos 5 continentes. Serão representados: Alemanha, Argentina, Brasil, Colômbia, Cuba, Dinamarca, Canadá, Espanha, Equador, Haiti, Indonésia, Itália, Iraque, Libéria, Índia, Guatemala, Egito, Japão, Irlanda, Israel, México, Moçambique, Panamá, Paraguai, Portugal, Polônia, Reino Unido, Estados Unidos, República Dominicana, África do Sul, Nigéria, Uruguai, Ruanda, Austrália, Emirados Árabes Unidos, Venezuela, Vietname, Quênia e Zimbabué.

Participarão jovens com idades compreendidas entre os 16 e 27 anos, de diferentes contextos socioeconômicos, refugiados, estudantes de universidades de prestígio e jovens excluídos do sistema educativo.

Os participantes pertencem a diferentes culturas e credos religiosos: judeus, muçulmanos, cristãos, hindus, budistas, agnósticos e outros. De terça-feira, 23 até 28 de novembro, compartilharão de modo presencial as diferentes experiências vividas até agora durante a pandemia e as lições aprendidas nas suas distintas comunidades.

O Santo Padre terá um encontro com os jovens sobre o mundo que eles imaginam e como converterão a sua perspectiva em ações concretas a serem implementadas quando do seu regresso aos seus países.

Cinquenta destes jovens iniciarão um ano de formação humana e política inspirada na encíclica “Fratelli tutti” com o objetivo de criar uma resposta que esteja em sintonia com os tempos e inclua as periferias geográficas e sociais.

Estarão presentes especialistas sobre os novos desafios da política digital, da democracia direta, das novas economias, do impacto das moedas “cripto” e da importância da conexão entre o mundo virtual e o mundo real.

As conclusões destes dias de trabalho serão partilhadas com o Ministro italiano da Educação, Patrizio Bianchi, e com os Diretores Mundiais de Scholas, José María del Corral e Enrique Palmeyro, tendo em vista a sua publicação no futuro. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *