segunda-feira, fevereiro 17, 2020
Home > Podcasts > Escolhida a Comissão Processante que poderá levar à cassação de vereadores

Escolhida a Comissão Processante que poderá levar à cassação de vereadores

Vamos conversar agora com o vereador Léo Morais (PTB), escolhido como relator da Comissão Processante.

O vereador José Wildes, do PT, foi escolhido o presidente da Comissão Processante da Câmara Municipal, que vai apurar se houve quebra de decoro de cinco vereadores, três deles continuam presos.
Integram a Comissão, que terá 90 dias para apresentar o relatório, que será apreciado em plenário, os vereadores Léo Morais (PTB), relator, Ana Maria Negreiros (PMDB), Chico Lata (PP) e Edemilson Lemos (PSDB).

Os vereadores Marcelo Reis (PV), Eduardo Rodrigues (PV) e Jair Montes (sem partido) continuam presos. Eles foram detidos desde a deflagração da Operação Apocalipse, no dia 04 de julho último. Também foram denunciados os vereadores Cabo Anjos (PDT) e Pastor Delso (PRB)

Supostamente, estes vereadores acusados teriam sido beneficiados com um esquema de financiamento de campanha política, com dinheiro proveniente do estelionato e do tráfico de drogas.

O sorteio da comissão foi realizado na sessão plenária desta terça-feira (13). Durante o sorteio, o 1º secretario da Mesa Diretora, Sid Orleans (PT), foi o primeiro a ser sorteado, mas pediu para ser substituído pelo colega de partido, José Wildes, alegando que está fazendo tratamento de saúde (pedras na vesícula).

Não participaram do sorteio os cinco vereadores envolvidos na denuncia (Delso Moreira – PRB, Cabo Anjos – PDT, Eduardo Rodrigues – PV, Marcelo Reis – PV e Jair Montes – sem partido), além do presidente Alan Queiroz (PSDB) – denunciante.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *